Airbag: saiba mais sobre esse equipamento de segurança

shutterstock_92863084

Segundo as resoluções 311 e 312 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), de 2009, todos os veículos novos saídos de fábrica a partir de 2014, nacionais e importados, deverão ter freios ABS e airbags frontais. Desde 2010, as montadoras vêm se adequando progressivamente à medida, mas, em 2014, 100% da nova frota deverá conter os itens obrigatoriamente.

O que o airbag proporciona na prática?
O airbag é capaz de evitar danos em caso de choques para os ocupantes do veículo, já que ele infla uma bolsa de ar que “ampara” a pessoa no caso de uma batida. Porém um cuidado é essencial: o uso do cinto de segurança. No Brasil, o airbag é projetado para o uso com o cinto, que é obrigatório no país.

O que acontece se o airbag for acionado e o ocupante estiver sem cinto?
O acionamento do airbag é feito de forma muito rápida para que, no caso de um choque, dê tempo de inflar e suportar o impacto do corpo já quando estiver esvaziando. A velocidade da bolsa infla a quase 300 km/h, em até 40 milissegundos, dependendo da velocidade do veículo. O uso do cinto é importante para que o impacto com a bolsa aconteça no momento correto, o que evita lesões e sufocamento.

O jeito certo de usar o airbag
Além do uso com cinto de segurança, é muito importante seguir a legislação que diz que somente podem sentar no banco de frente crianças com mais de 10 anos. o condutor deve estar a uma distância de aproximadamente 25 cm do volante e o passageiro, a 45 cm, no mínimo.

Fonte: Portal Terra, e revista Exame

RECEBA NOVIDADES DO BLOG DA ALE

Leave a Reply

Nome:

E-mail:

Website: